Seu time veste a camisa? Saiba como envolver a equipe em uma cultura organizacional

Seu time veste a camisa? Saiba como envolver a equipe em uma cultura organizacional.

 

Dentro da dinâmica de um esporte coletivo como o vôlei ou o futebol, a camisa é o que mais me chama atenção. Ela identifica os jogadores de um time e todos são os representantes do símbolo que carregam no peito. Quando um atleta é convocado para representar seu país em uma olimpíada ou copa do Mundo, os vejo dando entrevistas orgulhosos por fazer parte desse time e ter a chance de representar seu país em uma competição e quando os vejo jogar, percebo que todos se comprometem com a responsabilidade de juntos levarem o título. Cada um, em sua área específica, faz o que lhe compete da melhor maneira possível e auxilia os outros parceiros de time nas suas atribuições. Isso cria unidade e entrosamento da equipe.

Em uma empresa a situação não é diferente. Todos os colaboradores fazem parte do mesmo time e são responsáveis pela “boa campanha” da empresa no dia a dia. São os colaboradores que movimentam a empresa, desenvolvem seus produtos ou serviços, lidam com os clientes e fornecedores, e fazem todos os processos funcionarem em harmonia. Quando um colaborador está desmotivado ou não se sente parte da empresa, além do clima da organização ser ameaçado, toda a imagem da empresa é colocada em risco. Afinal, cada colaborador é um representante da sua empresa para os clientes e nas ruas.

Para fazer o colaborador vestir a camisa da empresa é preciso que as funções a serem exercidas por cada um estejam claras e os objetivos a serem seguidos sejam postos à mesa com definições assertivas. Existem algumas dicas que podem contribuir para incentivar esse tipo de postura no seu funcionário. Nesse post, preparamos algumas dicas para te mostrar como conquistar seus colaboradores.

ALGUNS PASSOS QUE AJUDAM SEUS COLABORADORES A VESTIR A CAMISA

Vimos que vestir a camisa para os atletas é símbolo de orgulho em representar seu país em uma competição e o identifica como representante daquele time específico. Um dos mais importantes papéis para criar essa coesão no time é um líder motivado, trazendo seu time para a mesma mentalidade dele.

Na área empresarial, o papel da liderança na motivação dos colaboradores é essencial para criar o senso de responsabilidade e pertencimento da empresa. Se o líder não desempenha esse papel, muito provavelmente ele influenciou seus colaboradores a não se sentirem motivados. Um ponto chave, crucial neste processo, é que o líder consiga olhar para si e perceber suas qualidades e defeitos. Ele deve se fazer a pergunta: O problema da minha equipe sou eu? Muitos devem estar achando isso um absurdo: “imagina se eu, que ocupo um cargo de confiança nessa empresa, vou ser o problema”. Se você pensou desta forma, é um indicativo de que você deve iniciar imediatamente uma reavaliação de sua postura. Algumas dicas podem te ajudar nesse caminho:

1 – Confiar é preciso – Sem confiança, o colaborador não veste a camisa. Ele precisa acreditar nos valores da empresa e confiar que os diretores farão sempre o melhor. Sua equipe tem um potencial enorme (se não tiver, busque profissionais capacitados) e certamente tem conhecimentos para colaborar com ideias, soluções ou alternativas. Com essa postura, de aceitar opiniões ou, pelo menos, ouvir com compromisso cada ideia, dando importância àquilo que seu colaborador está dizendo, você irá despertar um sentimento diferente em sua equipe.

2 – Entrosamento da equipe – Faça reuniões periódicas de avaliação e evolução com o objetivo de realizar uma interação entre colaboradores. Isso eliminará dúvidas relacionadas à organização e trará mais entrosamento entre a equipe. Outra dica é ter uma conversa particular e franca com cada membro da equipe. O tom da conversa não deve ser de cobrança, mas sim de compreensão. Mostre que você quer atuar como um agente transformador. Pergunte para cada um o que você, enquanto líder, pode fazer para ajudá-lo a se entregar de corpo e alma para a empresa.

3 – Reconheça as conquistas – Não é raro que muitos colaboradores sintam-se desmotivados por estarem se entregando ao máximo, mas sem reconhecimento. É importante destacar que nem sempre o reconhecimento é financeiro – que sabemos, é sempre bem-vindo – mas é necessário reconhecer o esforço por meio de conversas – ainda que informais – que destaquem o esforço de cada colaborador dedicado. Seus colaboradores querem trabalhar em um ambiente saudável, com um líder confiável e que passe a mensagem de que cada um pode deixar a sua marca na empresa.

Seguindo essas dicas, pode ter certeza que o comprometimento da sua equipe vai melhorar MUITO e eles terão orgulho de pertencer à empresa e de fato, vestir a camisa dela, sendo um agente de transformação por onde passar!